[Total: 0    Média: 0/5]

|

Quais são os principais problemas digestivos que existem?

O sistema digestivo é bem delicado. Afinal, ele depende bastante do que consumimos, além de diversos outros fatores externos. Por isso, não é incomum passar por alguns problemas nesta região, seja depois das refeições, seja durante o nosso dia a dia. Confira, então, alguns dos principais problemas digestivos que existem.

Os problemas mais comuns

Um problema digestivo que é extremamente comum, mas não tão grande, é o excesso de gases intestinais. Produzir estes gases é comum e faz parte do processo, mas um volume maior que o normal indica que algo está errado.

O acúmulo de gases é um problema bem incômodo, podendo promover uma forte dor e uma distensão abdominal. Felizmente, este problema é simples de combater, pois, provavelmente, ocorre por conta de uma dieta insuficiente ou de certos hábitos que podem ser corrigidos.

Outro problema comum, mas um pouco mais chato, é a prisão de ventre. Caracterizada pela dificuldade ou necessidade de um grande esforço ao evacuar, este problema também costuma estar associado aos hábitos de vida.

Beber pouca água é uma das causas mais comuns, mas o estresse, sedentarismo e alto consumo de alimentos industrializados também ajudam a agravar o problema.

A síndrome do intestino irritável é outro que afeta esta parte do sistema digestivo. Mais comum do que parece, p problema se caracteriza por um órgão que seja mais sensível ao estresse, fazendo com o movimento seja alterado.

Por isso, pode resultar em problemas como dores, cólicas, diarreias e, em certos casos, a constipação intestinal. Ainda não se sabe muito bem a causa deste problema, mas o tratamento inclui mudanças na alimentação.

A gastrite também é um problema bem comum, caracterizada por uma forte dor e inflamação no estômago. Também é um problema que pode surgir por conta dos maus hábitos e de uma dieta desbalanceada.

Os problemas mais sérios

O refluxo é um problema um pouco mais sério, sendo caracterizado por um retorno do ácido gástrico ao esôfago. Causa um enorme desconforto, com sintomas como azia, uma tosse seca e uma dor bem incômoda no tórax.

Normalmente, o tratamento é clínico, com a administração de certos remédios. Também podem envolver uma certa mudança nos hábitos dos pacientes. Porém, em certos casos em que existe a presença de hérnias, pode ser necessária uma cirurgia.

Já a úlcera, é ainda pior, sendo caracterizada por uma ferida na parede do estômago, do esôfago ou do intestino.

É um problema que pode ter várias origens, desde o estresse, ou o uso de certas substâncias como o cigarro, ou anti-inflamatórios.

Esta doença é prejudicial, causando vômitos, dores e inflamação, e até mesmo sangue nas fezes. Geralmente, é diagnosticada com a endoscopia e tratada com certos medicamentos.

Apesar de não ter uma ligação direta, a apendicite, é um problema que surge por conta da obstrução do apêndice com restos fecais. Por conta da presença das bactérias nestes restos, sua proliferação leva a um quadro de infecção e inflamação.

É um dos problemas mais graves, pois pode resultar até mesmo na morte do paciente. Logo, a cirurgia deve ser feita o mais rápido possível.

Estes são alguns dos problemas mais comuns no sistema digestivo. Como deu para perceber, a maioria pode ser combatida com uma mudança de hábito. Porém, se precisar de algum medicamento ou suplemento para se sentir ainda melhor, acesse o site da Natulab e conheça as opções.